Harry Potter: a despedida de uma fã

Este review de “Harry Potter e as Relíquias da Morte Parte 2” foi escrito por Tábata Uchoa, minha estagiária querida, que teve o privilégio de assistir ao filme antes de todo mundo na sessão especial para imprensa.  Enjoy 😉

“Me emociono toda vez que vou ao cinema ver Harry Potter e escuto aquela musiquinha que dá início a todos os filmes da saga. Mas na terça-feira, dia 12 de julho (a sessão para a imprensa aconteceu antes da estreia nos cinemas), quase chorei. Era a última vez que eu ia escutar aquela música no cinema, vendo um filme inédito do Harry.

A segunda parte de “Harry Potter e as Relíquias da Morte” começa exatamente no ponto onde ficamos no primeiro filme e Harry, Rony e Hermione seguem a busca pelas horcruxes.

As visões que Harry tem da mente de Voldemort o ajudam a descobrir onde está a próxima horcrux: em Hogwarts! Eles conseguem entrar no castelo, agora dirigido com muita rigidez e disciplina pelo professor Severus Snape – o maravilhoso e talentosíssimo Alan Rickman, que me arrancou muitas lágrimas na cena de sua morte, já que Snape sempre foi um de meus personagens preferidos – com a ajuda dos irmãos de Dumbledore e de Neville, que surge mais confiante e divertido e tem papel determinante neste filme.

As cenas de batalha em Hogwarts são impressionantes e tristes. Foi agoniante ver o castelo sendo destruído. Hogwarts sempre foi – pelo menos para mim – como um personagem de “Harry Potter”. E neste desfecho, mais do que nunca, o castelo interpretou lindamente, ainda que de forma triste, o seu papel. Hogwarts sendo destruída é um símbolo do caos de todo o mundo bruxo, do caos interior dos personagens.

Durante todo o filme fiquei com a sensação de que estava sem ar, meio que prendendo a respiração. Já li os livros milhares de vezes e sabia o que ia acontecer, mas mesmo assim fiquei nervosa e quase gritando o que cada personagem devia fazer, como uma torcedora fanática assistindo a um jogo de futebol.

É triste constatar que chegou ao fim. Mas, pelo menos, foi um fim muito bonito e emocionante. E se J. K. Rowling resolver, como ela mesma disse, “brincar com seu bebê” de novo, todos os fãs ficaremos muito felizes. Mas, caso isso não aconteça, “Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 2″ encerra com chave de diamante – ouro é pouco! – a trajetória de Harry Potter, e basta!”, Por Tábata Uchoa.

Anúncios

Sobre Tati Regadas

Jornalista, viciada em séries e cultura pop.

Publicado em 16/07/2011, em cinema, filme, Harry Potter e marcado como , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: